Lu Karini_Zona Norte Etc_Aniversário 1 Ano_És Uma Maluca_Foto Fabiano Albergaria_4_

Brechó Arte

A Lu Karini é uma das donas do estilosíssimo 21 Brechó Arte, um achado de peças maravilhosas que fica na Tijuca. Foi com algumas peças de lá que a nossa stylist Nathalia Cherém montou os looks que foram fotografados no editorial Cheshire, que ficou em exibição durante a festa de aniversário do ZN Etc.

E foi por isso que a Lu escolheu essa foto linda como cenário, mostrando a produção que veio todinha do acervo do Brechó. Luxo!

Lu Karini_Zona Norte Etc_Aniversário 1 Ano_És Uma Maluca_Foto Fabiano Albergaria_2_

Foto: Fabiano Albergaria

Lu Karini_Zona Norte Etc_Aniversário 1 Ano_És Uma Maluca_Foto Fabiano Albergaria_4_

Quer participar no conteúdo do Zona Norte Etc e mostrar os principais looks do seu bairro? Clique aqui e saiba como colaborar.

Editorial Cheshire_Zona Norte Etc12

Editorial – Cheshire

O blog Zona Norte Etc apresenta o editorial “Cheshire”, fotografado no Instituto Municipal Nise da Silveira, espaço que abriga o Hotel da Loucura.

O Hotel é um local aberto à expressão artística e como inspiração surge a figura do gato, peça importante para exercício do afeto e da liberdade na luta anti manicomial e no tratamento aplicado por Nise. O gato também presente na história de Lewis Carrol, guia o caminho de Alice rumo à psicodelia e ao interior de sua própria mente.

“O gato é um ser essencialmente livre e essa liberdade desafia o homem”. (Nise da Silveira)

As fotos fizeram parte da exposição que foi exibida no Atelier És Uma Maluca, durante a celebração de um ano do Zona Norte Etc.

Em breve os posters exibidos estarão à venda em nossa loja virtual.

Editorial Cheshire_Zona Norte Etc13

Editorial Cheshire_Zona Norte Etc14

Editorial Cheshire_Zona Norte Etc15

Editorial Cheshire_Zona Norte Etc6

Editorial Cheshire_Zona Norte Etc5

Editorial Cheshire_Zona Norte Etc11

Editorial Cheshire_Zona Norte Etc10

Editorial Cheshire_Zona Norte Etc9

Editorial Cheshire_Zona Norte Etc2

Editorial Cheshire_Zona Norte Etc1

Editorial Cheshire_Zona Norte Etc7

Editorial Cheshire_Zona Norte Etc8

Editorial Cheshire_Zona Norte Etc3

Editorial Cheshire_Zona Norte Etc4

Editorial Cheshire_Zona Norte Etc12

Créditos

Fotógrafo: Jeff Segenreich
Make: Manuela Bárbara
Modelo: Nayara Piaro
Styling: Nathália Cherém
Produção Executiva: Carol Rabello – Zona Norte Etc
Locação: Hotel e Spa da Loucura

Agradecimentos: 21 Brechó Arte | Brechó do Casarão

Apoio: Ohayo Comunicação Visual | Colégio Wakigawa Unidades Vila Isabel e Madureira

insta_esuburbano_zona norte etc

Mais ou Menos Isso – Falsa Cultura

insta_esuburbano_zona norte etc

Foto: Reprodução Instagram @esuburbano

São Cristóvão só tem endereço com “São” na frente, como São Luiz Gonzaga e São Januário.

Colégio é o bairro da Zona Norte mais perto do Recreio.

Del Castilho foi um espanhol que adorava passear no shopping.

Higienópolis tem as ruas mais limpas do subúrbio.

Praça da Bandeira se chama assim porque quem está por ali se entrega logo que está indo na Rua Ceará.

Engenheiro Leal foi o único da profissão que realmente se podia confiar. Ao contrário dos que fizeram o Engenho Novo, Engenho de Dentro e Engenho da Rainha.

Vista Alegre sempre disputou com o Alto da Boa Vista para saber quem tem a melhor paisagem.

Tijuca foi criada por um senhor conhecido como Tio Juca. Ele nasceu na Zona Sul.

Vaz Lobo tem um morador que só sai em dias de lua cheia.

Barros Filho e Coelho Neto foram primos.

Andaraí serviu de inspiração pra aquela música do Katinguelê “inará inará inará inaraí”.

 

Leo Valpassos e Lucas Ribeiro www.facebook.com/maisoumenosisso

*As opiniões publicadas nesta coluna são de responsabilidade integral dos autores e não representam necessariamente a opinião deste site.

TETO

TETO faz COLETA na TIJUCA

TETO

Foto: Gustavo Lacerda

O TETO é uma organização internacional que trabalha pela superação da extrema pobreza por meio do trabalho conjunto de jovens voluntários e moradores de comunidades precárias, e nesse mês inicia uma campanha com o objetivo de questionar que o problema não é o que vira notícia, mas o que deixa de ser. A COLETA é a ação mais massiva do TETO. Nela, milhares de voluntários saem às ruas para denunciar a realidade de pobreza no Brasil e arrecadar fundos para dar continuidade ao trabalho em conjunto com famílias que vivem em assentamentos precários. A coleta é um momento de denuncia massiva. Com ela são arrecadados recursos para a continuidade dos projetos. Este evento será o maior já promovido pelo TETO BRASIL e acontecerá nos dias 22, 23 e 24 de maio no Rio de Janeiro, Salvador, São Paulo e Curitiba. Aqui na ZN a ação rola na querida Tijuca. Copacabana, Ipanema e Leblon também fazem parte.

Feita em conjunto com a agência Leo Burnett, a campanha contou com a participação do fotógrafo Gustavo Lacerda e busca refletir que, ao mesmo tempo em que milhares de notícias sobre o mundo das celebridades são divulgadas, diariamente, nos meios de comunicação de todo o Brasil, a realidade diária das famílias que vivem em extrema pobreza fica esquecida e, dificilmente, ganha destaque nos noticiários.

Ajude a compartilhar essa ideia de #QuemLiga!

Colabore aqui.

colaborativa_dibuteco_b

Prato Feito: Comida di Buteco – Bar do Momo

E foi dada a largada à melhor competição gastronômica dos amantes da boemia: o Comida di Buteco. Na edição 2015, o desafio é usar frutas na receita e os bares da ZN participantes estão arrasando na criatividade.

Começamos o nosso roteiro pelo Bar do Momo, que está competindo com o prato “O bêbado e o equilibrista”, que nada mais é do que uma delícia de sanduíche de pernil desfiado em seu molho, maionese defumada e picles de carambola no baguete de leite. Acompanha ainda geléia de pimenta e batida de maracujá.

A análise será feita com base na “maravilhosidade” dos pratos, levando em consideração o meu paladar que tende a achar tudo ótimo e também o da galera que me acompanhou na empreitada e que tem gostos variados.

Primeira dica: não mexa na receita original. Teve amigo dizendo que ia tirar a carambola, porque fruta no sanduíche, blá, blá,blá… Não faça isso. Pense que alguém se dedicou com muito afinco na cozinha para buscar a combinação perfeita e, acredite, nesse caso específico do Bar do Momo, o objetivo foi alcançado. A carambola harmoniza perfeitamente com a carne do pernil e não esqueça de colocar a geleia de pimenta, que faz toda a diferença! Confesso que deixei de lado a batida de maracujá…

Agora vamos ao desafio Doritos: Guacamole de Jiló. SIM! Sou completamente apaixonada por jiló e esse prato pra mim foi a representatividade da perfeição. Mas como sei que sou um caso à parte nesta questão, vale ouvir a opinião dos colegas que não são tão chegados assim na iguaria e o veredito foi: parece o guacamole tradicional, mas com o leve amargo do jiló no final. Ou seja: você que não gosta de jiló também pode comer, ok?!

Pra fechar, nós aqui do blog resolvemos lançar um desafio interno que não está na competição oficial: o Melhor Bolinho de Arroz. Mais uma vez o Momo está saindo na frente com seu arroz sequinho, muito queijo e calabresa no recheio.

E se depois disso tudo ainda tiver um espacinho na barriga, aproveita pra experimentar o Atolei no Momo (costela bovina sob creme de mandioca gratinado com queijo parmesão e doritos), prato que disputou o desafio Doritos do ano passado: é maravilha num copinho!

Serviço: Bar do Momo – Rua General Espírito Santo Cardoso, 50 – Loja A – Tijuca

*Aceita somente dinheiro

*Horário: Segunda a Sexta: 14h às 23h / Sábado: 11h às 22h / Domingo e Feriado: 09h às 16h

Gostou da dica? Então agora vamos à novidade!

colaborativa_dibuteco_b

O Comida di Buteco rola até o dia 10/05, então conto com a sua ajuda para conseguir avaliar todos os bares da ZN! Em breve vou postar por aqui mais alguns que já provei, mas o espaço está aberto para a sua colaboração! É só mandar o seu relato pelo e-mail: contato@zonanorteetc.com.br e publicaremos, com todos os créditos, na ZN Colaborativa Especial: Comida di Buteco. Ah! Não esquece de tirar uma foto incrível do prato, ok?! Bom apetite!