No palco e na pista

Antonio Schuback_Baile do Passinho_Zona Norte Etc_2

Quando entrevistamos a galera do Dream Team do Passinho eles estavam, como sempre, lindos. Mas mesmo que cada um tenha seu próprio estilo, quem dá uma forcinha na montagem dos looks é o Antonio Schuback, stylist responsável por coordenar o figurino do grupo e deixá-los ainda mais incríveis no palco.

E como de estilo ele entende, enquanto o Dream Team brilhava no palco, Antonio arrasava na pista com este look maravilhoso!

Antonio Schuback_Baile do Passinho_Zona Norte Etc_2

Fabiano Albergaria

Antonio Schuback_Baile do Passinho_Zona Norte Etc

Foto: Fabiano Albergaria

 Quer participar no conteúdo do Zona Norte Etc e mostrar os principais looks do seu bairro? Clique aqui e saiba como colaborar.

Amor de mãe

Miscylene da Silva_Baile do Passinho_Zona Norte Etc_2

A Miscylene da Silva estava toda linda no Baile do Passinho, acompanhada da mãe que não fez cerimônia na hora de ver a câmera e logo indicou a filha linda para fotografarmos.

E não era pra menos, com esse sorriso e cabelo lindos e uma produção básica e feminina, ela arrasou na pista!

Miscylene da Silva_Baile do Passinho_Zona Norte Etc_2

Foto: Fabiano Albergaria

Miscylene da Silva 2_Baile do Passinho_Zona Norte Etc_2

Foto: Fabiano Albergaria

Quer participar no conteúdo do Zona Norte Etc e mostrar os principais looks do seu bairro? Clique aqui e saiba como colaborar.

ZN Entrevista – Baile do Passinho – Parte 3 – Dream Team do Passinho

Lelezinha Ferreira e Rafael Mike, parte da galera do Dream Team do Passinho | Foto: Fabiano Albergaria

Fechando a cobertura da última edição do Baile do Passinho e já no aquecimento para a festa de hoje, você confere a entrevista que fizemos com a galera talentosíssima do Dream Team do Passinho que arrasou no palco do Espaço CUFA com sua dança sensacional levando o público à loucura.

Lelezinha Ferreira e Rafael Mike, parte da galera do Dream Team do Passinho | Foto: Fabiano Albergaria

Lellêzinha e Rafael Mike, parte da galera do Dream Team do Passinho | Foto: Fabiano Albergaria

Lellêzinha, a musa do Passinho, estava simplesmente perfeita em seu macacão que deixava seus movimentos ainda mais lindos. Guiados pela voz de Rafael Mike, o grupo fez bonito no retorno do Baile e falou sobre a felicidade de ver esta nova fase do funk carioca

O Passinho sempre existiu nas comunidades, foi criado pelos moradores e o movimento foi crescendo. Nos sentimos muito honrados de poder ajudar o funk a ser visto de outra forma, como tem que ser. Claro que tem outras maneiras de fazer funk, como os proibidões, mas nós somos um grupo de funk que tem canto e dança e isso aproxima o funk do pop.

O Dream Team do Passinho arrasou no palco do Espaço CUFA | Foto: Fabiano Albergaria

O Dream Team do Passinho arrasou no palco do Espaço CUFA | Foto: Fabiano Albergaria

E o clima do Baile era realmente maravilhoso e tão leve, que até crianças arriscavam seus passinhos na pista. No palco, além da dança, o figurino do grupo chamava a atenção e Lellêzinha contou sobre a concepção dos looks para o show e também para o clipe que fez em parceria com Ricky Martin

No clipe recebemos várias opções de figurinos maravilhosos, mas me apaixonei pelo maiô do estilista Fernando Cozendey, que era uma arara. Eu estava me sentindo uma deusa com aquele body. E foi maravilhoso usar a roupa dele porque depois fui pesquisar e vi que ele tem um trabalho maravilhoso com desenhos de outros animais. E aí uma outra vez eu acabei usando uma de jacaré também, para fazer um show. E queria ficar com todas essas roupas pra mim!

(Ainda não viu o clipe? Clica aqui)

Rafael complementa com uma análise social sobre o movimento, que tem em sua principal característica a liberdade de expressão e o respeito

A molecada do movimento é muito desprendida de qualquer tipo de preconceito. Nós sabemos que existe, mas não nos apegamos a isso. Ainda tem muita coisa underground no funk, tem aqueles com letra mais sexualizada que ocupa as rádios e a televisão, mas eles ocupam um outro espaço. Nós do Passinho temos um outro comportamento. Você vê os moleques se relacionando, dando beijo, abraço e não são gays ou gois ou qualquer tipo de classificação e isso reflete na liberdade de se vestir, quando querem usar por exemplo uma legging com tênis amarelo e um óculos sem grau, o cabelo verde ou batom roxo, como ela usou no clipe… Essa liberdade é parte do DNA do Passinho.

Os lindos e estilosos Lelezinha Ferreira e Rafael Mike, do Dream Team do Passinho | Foto: Fabiano Albergaia

Os lindos e estilosos Lellêzinha e Rafael Mike, do Dream Team do Passinho | Foto: Fabiano Albergaia

Mas e o macacão indefectível de Lellêzinha?

Uma coisa muito importante! Fizemos uma parceria com a Blue Man. Tudo o que vocês estão vendo são da marca, todo mundo “bluemenzado”!

Lindos e perfeitos! Quer vê-los de perto? Hoje tem mais lá no Espaço CUFA! Todas as informações estão na nossa agenda cultural de hoje!

80’s

Foto: Fabiano Albergaria

A galera que foi ao último Baile do Passinho escolheu looks que resgataram a moda de várias décadas e fizeram bonito nas produções. Já registramos por aqui algumas inspirações nos anos 70 e 90, mas a Carine Oliveira escolheu os anos 80 como referência para se vestir.

Ela levantou o topete e os cachos, amarrou uma bandana nos cabelos e apostou no top cropped com mix de estampas e short jeans. Nos pés um tênis básico e confortável, com leve inspiração no modela Conga, que arrasou naquela época.

Foto: Fabiano Albergaria

Foto: Fabiano Albergaria

Foto: Fabiano Albergaria

Foto: Fabiano Albergaria

Quer participar no conteúdo do Zona Norte Etc e mostrar os principais looks do seu bairro? Clique aqui e saiba como colaborar.

ZN Entrevista – Baile do Passinho Parte 2 – Ludmilla

Foto: Fabiano Albergaria

Nesta segunda edição do ZN Entrevista especial Baile do Passinho, trazemos o papo rápido que tivemos com uma das atrações convidadas da noite pouco antes de subir no palco do Espaço CUFA, a cantora Ludmilla.

Foto: Fabiano Albergaria

Foto: Fabiano Albergaria

Ex-MC Beyoncé, ela agora investe em seu próprio nome, assinou contrato com uma gravadora e está de look, cabelo e cd novo: linda!

Ludmilla veio de Caxias e desde sempre tem o funk em sua vida. Cantar é sua paixão e o funk é o estilo que ela escolheu pra ser feliz

O funk e o canto são tudo na minha vida. Se eu não cantasse ou não fosse funk, eu seria infeliz. O funk é meu alicerce, é de onde eu me sustento, de onde tiro minha felicidade e de onde realizo meus sonhos e trago felicidade pro meu público e pros que gostam do meu trabalho.

Foto: Fabiano Albergaria

O estilo de Ludmilla | Foto: Fabiano Albergaria

A cantora agitou o Espaço CUFA no retorno do Baile do Passinho | Foto: Fabiano Albergaria

A cantora agitou o Espaço CUFA no retorno do Baile do Passinho | Foto: Fabiano Albergaria

Sobre o ressurgimento da Zona Norte e a Baixada, de onde veio, na cena cultural, a cantora se orgulha desse novo momento e aplaude iniciativas que apoiem as regiões

A Zona Norte e a Baixada tem muita coisa legal que muita gente desacredita. Tem muita coisa boa, mas quem não conhece, fica com um pé atrás, achando que só tem favela, bandido… que não tem nada de interessante. Mas tem né?! Tem eu, que saí de lá!

E tem a gente também, Ludmilla! Tamujunto!