Orquestra Sinfônica da CESGRANRIO – part. Alma Thomas no Leão Etíope do Méier

JAZZ

Orquestra Sinfônica da CESGRANRIO - part. Alma Thomas no Leão Etíope do Méier

Aqui está o registro de mais esse grande encontro da música com o público promovido pelo Leão Etíope do Méier, na nossa mais que querida Praça Agripino Grieco. Orquestra Sinfônica CESGRANRIO com participação da diva Alma Thomas. Enjoy

Para ficar por dentro da programação do Leão: instagram e facebook

Soda Noise – Garcia Gang

Soda Noise - Garcia Gang

Aori Anaga, Ainá Garcia, Hodari, Aisha e Yaminah são os nomes que já sacodem a cena urbana nacional e a internet, e que agora se uniram para levar a arte e a ancestralidade africana através de uma salada de ritmos como o afrobeat, rap, r&b, funk e trap n0 projeto “Garcia Gang”.

Para entender a importância dos cinco integrantes deste projeto artístico é preciso conhecer a origem desta família. Todos os artistas do quinteto são netos de um dos casais mais importantes para a cultura afrobrasileira: Lydia Garcia e Willy Mello. Lydia é carioca e foi a primeira professora de música da rede pública do Distrito Federal e Willy Mello, conhecido como OluMello, também, nasceu no Rio de Janeiro mas foi para Brasília em 1958, onde o artista plástico e desenhista de arquitetura, trabalhou com Oscar Niemeyer. Do fruto desta relação nasceram Kenya, Mali, Ialê, Kwame e Luena. Foi a partir daí que a família que já militava pelas causas dos afrobrasileiros iniciou uma dinastia de nomes africanos e as gerações que se sucederam acompanham a tradição. A valorização da cultura e da estética africana sempre fizeram parte da educação desta família, que serve de exemplo e de referência para tantos brasileiros.

O chamado a ancestralidade começou cedo para todos os integrantes deste quinteto musical. A primeira geração de netos dos Garcia começou com o Aori, 39 anos, conhecido também como MC Lapa, que foi um dos precursores da cultura HipHop na cidade do Rio de Janeiro e é tido como uma entidade do Rap nacional por suas músicas no Inumamos e por ter criado a lendária Batalha do Real, evento importante para o rap brasileiro, que abriu portas para diversos nomes como Emicida. Ainá Garcia, 35 anos, viveu a chegada do rap nas ruas cariocas durante a sua adolescência, fez parte do grupo intitulado “Anfetaminas” e recentemente lançou seu single “ BSNC” que mostra que as mulheres negras podem ser o que e quando quiserem. A geração seguinte começou com o músico e multi instrumentista Hodari, 27 anos, que nasceu em Brasília mas que absorveu muito conhecimento musical durante as suas férias no bairro boêmio da Lapa. Aisha, 20 anos e Yaminah, 21 anos, são DJ`s e dançarinas, ambas se destacam por apresentarem sets  repletos de músicas afrofuturistas em suas performances.

Se liga no som dessa família que tá agitando a cena musical do Rio:

O projeto foi lançado com uma super festa na Lapa no início deste mês, mas fique ligado que em breve rolam outras apresentações memoráveis!

Tem um som novo pra mandar pra gente? É só enviar todas as infos pra contato@zonanorteetc.com.br, colocar no título "Soda Noise"e a sua dica musical pode aparecer por aqui!

Casa Brota expandindo horizontes

Casa brota foto bento fabio zona norte etc

Casa Brota expandindo horizontes

Casa brota foto bento fabio zona norte etc

Foto: Bento Fábio

Em maio a Casa Brota está com um grande e feliz desafio: construir a cobertura da laje com bambu! Através de tecnologias baratas, de fácil replicação e aprendizado, com material renovável e de baixo impacto. 

Como vai ser?

A Casa fechou uma parceira com o Tiago De Paula, designer formado pela UFRJ com foco em sustentabilidade. Ele ministra cursos de bambu desde 2003 e tem a marca Taboca Biojóias onde desenvolve jóias a partir de madeira de demolição e móveis descartados. Tiago projetou a cobertura dos nossos sonhos e vai coordenar a obra de construção.

A Casa vai abrir 10 vagas para interessados em aprender as técnicas de bioconstrução e por a mão na massa para levantar a cobertura, aprender na prática e ainda deixar a laje ainda mais bonita. As inscrições para as oficinas práticas de bioconstrução terá o valor de R$ 100,00 com vagas limitadas.

laje casa brota zona norte etc

Além disso
A Casa Brota está com uma vaquinha online com o objetivo de financiar o funcionamento da casa durante um ano, além de fazer a cobertura da laje de bambu. Quem participar da doação com o valor a partir de R$ 100,00 tem direito a participar da oficina de bioconstrução ou indicar alguém.

Junto com a vaquinha eles abriram COTAS DE PARTICIPAÇÃO da casa para coletivos, organizações e sociedade civil.

A Casa é um espaço colaborativo localizada no Complexo do Alemão que trabalha com entretenimento, hospedagem sustentável, comunicação, inovação e empreendedorismo. E entre as várias atividades que acontecem na casa, recebe mensalmente o Slam Laje #10Edição e as oficinas do GatoMÍDIA.

Dá uma olhadinha e participe ❤

Shopping Nova América leva “Mãe Natureza” de Rafa Mon para perto do público com Live Painting de uma semana!

rafa mon zona norte etc shopping nova américa

Shopping Nova América leva “Mãe Natureza”, de Rafa Mon, para perto do público com Live Painting de uma semana!

rafa mon zona norte etc shopping nova américa

Após uma votação acirrada nas redes sociais do Shopping Nova América nós temos o desenho vencedor que a partir do dia 07/04 fará parte da história do shopping e e da zona norte. Trata-se de mais uma linda criação da artista Rafa Mon chamada “Mãe Natureza”. A partir do próximo sábado (07/04), a artista estará no shopping realizando a pintura e você poderá acompanhar esse momento único de criação ao vivo!

A ação irá acontecer a partir de sábado no shopping e vai durar uma semana! Vale acompanhar de perto e registrar postando nas redes sociais com a #arteurbanazn

A curadoria da ação é assinada pela equipe Zona Norte Etc ;)

Sobre a artista:

Rafa Monteiro - Rafa Mon - é mineira mas há tempos habita em terras cariocas. Ao chegar por aqui, escolheu a Zona Norte como casa, mais precisamente o bairro da Ilha do Governador. Sua trajetória profissional começou na moda, mas logo começou a se aventurar pelas artes plásticas, sua maior paixão. Seus desenhos já enfeitaram bolsas garrafas, camisetas, sempre com as cores fortes que são sua marca registrada. Em 2014 começou a investir em um trabalho mais autoral, que teve apelo imediato com o público. Sua obra de impacto visual tremendo e de estilo inconfundível pode ser visto em vários muros do Rio de Janeiro, vencendo o desafio de tornar a cidade maravilhosa ainda mais bonita.

Sobre a obra:

- Mãe Natureza: Da mãe vem a vida e com inspiração nesse sentimento que deu luz ao mundo, surge uma explosão de cores. O aconchego do abraço, o carinho do colo, a segurança da proteção, representam a criação do universo, que teve origem no amor.

Vem dançar com a Elis

Vem dançar com a Elis o Clipe

Vem dançar com a Elis

Ela ganhou o país aos 4 anos quando disse que o seu “ cabelo não era piluca”. Desde então Elis Mc a dançaria e cantora de 6 anos, continuou na cena e produziu muita coisa boa. Uma delas é o single Vem dançar com a Elis de autoria do músico e coreógrafo Luis Marques. O titulo da música saiu do evento que Elis comanda desde 2017 com edições no Rio de Janeiro e São Paulo. A intenção do evento é levar dança para todas as crianças e suas famílias. O evento serviu de grande inspiração e assim nascia o single. No beat da música, temos referência do funk melody dos anos 90 e um toque de atualidade na pegada do passinho carioca. Uma música tão simples e tão forte precisava de um clipe a altura. Foram 30 dias de pesquisa e muita parceria para a realização desse projeto. Referências da história negra construíram a cena e a alegria das crianças deram a energia para o clipe.

A gravação aconteceu no Parque Madureira, Zona Norte do Rio de Janeiro. O lançamento será nesta quarta-feira, dia 21/03 às 19h no canal Elis Mc no Youtube. A produção final é da 44Meia Produções. O single já está disponível nas principais plataformas.

O Vem dançar com a Elis é um levante infantil a favor da beleza natural. A música e o clipe são para todas e todos. É uma ode à liberdade e a felicidade.

 

Renata Morais ( mãe e produtora)

Ficha Técnica Clipe Vem dançar com a Eli

Artista: Elis Mc

Direção: Renata Morais e Matheus Duboc

Produção: Ednilson Cantanhede

Produção final: 44Meia Produções

Coreógrafos: Luis Marques e Jeff Antonio

Apoio: Paulo Brin, Andrea Gomes, Carlos Sá e Thiago de Paula

Bonecos: Patrique Silva e Marcelinho

Fotografia: Vinny Tavares

Beleza: Marilia Gabriela ( Affro Divas) apoio Sandri Sá

Estilo: Renata Morais ( Kings Rio de Janeiro, Melissa, Pampili, Pistols Star)

Parceia: Natuhair e Doçuras da Bell