Projeto Música Encantada Está Com Inscrições Abertas

musica_encantada___aula_de_canto-1

Projeto Música Encantada Está Com Inscrições Abertas

Com sede na Pavuna o Projeto Música Encantada oferece aulas de canto, violão, flauta, inglês e educação complementar

musica_encantada___aula_de_canto-1
Estão abertas as inscrições para o projeto Música Encantada, na Pavuna. Com o objetivo de promover inclusão por meio da música, o programa oferece aulas de violão, canto, musicalização através da flauta doce, educação complementar e inglês. Os interessados devem ter entre 7 e 17 anos e comparecer à sede do projeto acompanhado de responsável legal. Todas as aulas são gratuitas.

O Música Encantada é um projeto cultural gratuito de educação musical, onde crianças e adolescentes de uma das regiões com o menor Índice de Desenvolvimento Humano (IDHh) do Rio têm aulas de música e acompanhamento de psicólogos e assistentes sociais. Atualmente cerca de 120 crianças e jovens são atendidos pela iniciativa.

O programa foi desenvolvido a partir da iniciativa do músico Daniel Sant´Anna, que há 12 anos se propôs a dar aulas de violão a jovens da comunidade Terra Encantada. Os primeiros alunos contavam com apenas dois violões para o aprendizado, mas graças a doações, o programa passou a fornecer instrumentos para cada um dos atendidos. Dentro desta iniciativa, nasceu a Orquestra Violões Encantados, formada por alunos do projeto.

Música Encantada
Rua Orquídea, 01 - Comunidade Phídias Távora - Pavuna
(21) 3454-0251

Complexo do Alemão ganha seu primeiro espaço de coworking

casa-brota_zona-norte-etc

Complexo do Alemão ganha seu primeiro espaço de coworking

casa-brota_zona-norte-etc

Localizada no Complexo do Alemão a Casa Brota abrirá os seus trabalhos no sábado. O local irá funcionar como um espaço de conexão e redes. A inspiração vem toda da favela com a criatividade, rataria, gambiarras, sons, cores, vibrações e energia que lhes são características. Tudo isso junto com novas mídias, tecnologia, inovação social, empreendedorismo e afrofuturismo. A Casa Brota é uma incubadora fértil de novos projetos, tendo a favela como centro da discussão sobre a cidade. Os projetos GatoMídia, Boca de Favela, Berro Inc, AmareVê, Magano e Sonata e Favelê, que fazem parte da Casa, acreditam e constatam que a favela pode nos apontar caminhos para a construção de uma cidade inteligente, sustentável e conectada. 

De acordo com o pensamento da Casa Brota:

Existem muitos projetos criativos produzidos dentro das favelas mas que não estão inseridos e legitimados no circuito de inovação da cidade, uma vez que, muitos desses circuitos não veem as demandas populares como fontes legitimas pra processo de criação. Por outro lado, apesar do número alto de empreendedores em favelas, esses empreendimentos não dialogam/conversam entre si. Um dos objetivos da Casa é fortalecer as redes dentro destes espaços populares e expandir a conexão para além da favela

Será o primeiro espaço de coworking localizado dentro do Complexo do Alemão. No próximo sábado, dia 17 de dezembro, às 16h, todos estão convidados para brotar por lá e participar desse dia histórico com direito a uma visão privilegiada do Morro do Alemão, um papo sobre inovação, tecnologia, rede e criatividade na favela e ainda um baile na laje por que ninguém é de ferro! A Casa, além de ser um espaço de conexão e redes, também realizará consultoria de comunicação para empreendimentos de favela e demais projetos e empresas que tenham como base Inovação + Tecnologia + Entretenimento + Engajamento.

Se liga na programação:

16h: Arte - sujeiraenojo

18h: Papo sobre inovação, tecnologia, rede e criatividade com Vitor Coffe (Kilombu) , Alline Cipriano (IBEJI) ,Marcelo Ramos (Bistro Estação), Adriano Cipriano (Estúdio Roncó), Sil Bahia (Olabi) e Carol Delgado (Puxadinho).

20h: Festinha

Bora Brotar!

COMO CHEGAR:
Referência último ponto das Kombis da Central
Tem como subir de Kombi e Mototaxi (3 conto) ou andando.

#casabrota

OPORTUNIDADE: Produtora Jacaré é Moda abre seleção para casting

jacare-e-moda_facebook_zona-norte-etc

OPORTUNIDADE: Produtora Jacaré é Moda abre seleção para casting

jacare-e-moda_facebook_zona-norte-etc

A Jacaré Moda, a produtora de moda periférica mais querida do ZN abriu em sua página do Facebook inscrições online para formação de casting. Agora, a produtora conta com dois espaços, um no Jacarezinho e um na Malha, em São Cristóvão. A Jacaré é Moda quer encontrar jovens periféricos e suburbanos, de todos os gêneros e personalidades, para compor o seu casting.

Para se inscrever, basta o candidato ter entre 15 e 25 anos e mandar no inbox do Facebook uma foto de corpo e uma de rosto mostrando todo o seu perfil. Se você topa fazer carão e ser autêntico e autêntica na frente das câmeras, está esperando o que? A seleção está aberta até o dia 12 de dezembro. Corra!

A Jacaré Moda entende que não existe um padrão certo de estética e luta para que a beleza, criatividade e o talento da periferia carioca tenham espaço no mercado de trabalho. Para saber mais, clique aqui.

A produtora é nossa grande parceira e já desenvolvemos lindos trabalhos como por exemplo o editorial A Mais Bela Entre Elas que você pode conferir abaixo:

editorial jacare moda_zona norte etc_1
editorial jacare moda_zona norte etc_2
editorial jacare moda_zona norte etc_3
editorial jacare moda_zona norte etc_4
editorial jacare moda_zona norte etc_5
Arrow
Arrow
ArrowArrow
Slider

Créditos

Fotógrafo: Artur Cunha
Make: Manuela Bárbara
Modelo: Vanatha Moraes
Produção de Moda: EcoModa
Produção Executiva: Carol Rabello – Zona Norte Etc
Locação: Jacarezinho

Quem sabe no próximo não será você o(a) modelo que vai arrasar nas fotos?

Serviço:

Seleções de modelos on-line

Onde? Página do Facebook

Até quando? 12/12

Quem pode participar? Todos os jovens da periferia ou subúrbio carioca que tenham entre 15 e 25 anos.

#modadaresistencia

Suburbano da Depressão: Causos, contos e crônicas

suburbano da depressão vitor almeida zona norte etc

Suburbano da Depressão: Causos, contos e crônicas

 

É com muita alegria que trazemos essa dica literária! Está em pré-venda no site da editora Autografia o livro "Suburbano da Depressão: Causos, contos e crônicas" de Vitor Almeida, criador da famosa página "Suburbano da Depressão", no Facebook. Os 100 primeiros, além de contarem com desconto, ainda levam o livro autografado pelo autor. É claro que já garantimos o nosso!

suburbano da depressão vitor almeida zona norte etc

Hoje podemos conjugar o verbo SUBURBANIZAR, graças aos deuses da Supervia, dos BRTs, das vans e das kombis. Nossa história tá aí, nas ruas, praças, quintais de casas, festas de família e suas confusões. Trouxe pra nós o que melhor tem no Rio de Janeiro: O SUBURBANO. Vira as costas pra praia, pro Cristo, pro Pão de Açúcar, meu primo! O Rio acontece aqui nas nossas ruas, no nosso improviso, nas nossas festas. - Vitor Almeida

Para garantir o seu exemplar basta clicar nesse link aqui.

Conheça os quatro finalistas da Batalha do Real que vai rolar quarta-feira no Circo Voador

Batalha do Real_Zona Norte Etc

Conheça os quatro finalistas da Batalha do Real que rola quarta-feira no Circo Voador

Batalha do Real_Zona Norte Etc

Foto: Eduardo Biermann

Foram quatro etapas e 16 MC´s que duelaram em diversos palcos do Rio de Janeiro. Méier, Jacarépagua, Madureira e Penha. Agora a quebrando tudo ao comando de Maomé, Marechal, Nissin Oriente e Negra Rê que farão as honras e irão apresentar a festa nesse grande dia. Os DJ´s serão: LP, Babz Brutal, Negralha e Saddam. Como se não bastasse, a Brutal Crew, organizadora do evento, preparou um pequeno Festival de Rap que terá shows de nomes como: Batoré e Papatinho, De Leve, Filipe Ret, MC Coé, Funkero, 3 Preto e Akira Presidente. A cena hip-hop do Rio de Janeiro vai simplesmente parar para colar nessa final e presenciar mais um momento histórico do Rap acontecer diante de nossos olhos.

Os finalistas são: Xan, Xamã, Estudante e Pelé. O vencedor leva: prêmio em dinheiro e o título de vencedor da Batalha do Real. Honraria que já foi de nomes como Emicida, Marechal e Akira Presidente. Abaixo a gente conhece um pouco mais sobre os MC´s que irão disputar essa final que promete ser épica. 

 

Xan

Batalha do Real_Zona Norte Etc

Foto: Eduardo Biermann

Xan é Gabriel Henrique de Carvalho, ouve rap desde pequeno e sempre teve um dom para a escrita, além de gosto pelo ritmo, o que tornou inevitável o seu envolvimento com a cultura hip-hop. O MC foi indicado pela Roda Cultural de Vila Isabel, da qual foi vencedor, além de ter participado e vencido nas rodas de Méier e na Tanque, em São Gonçalo. Gabriel é fã de MV Bill, Racionais MCs, Marechal, Claudinho e Buchecha e O Rappa. “Comecei no rap porque não tinha forma de não me envolver com a cultura, acabei indo pelo lado da música, que foi no que me destaquei mais”. Xan já venceu o concurso Mic Master Brasil e cursa faculdade de administração na Uerj.

 

Xamã

Batalha do Real_Zona Norte Etc

Foto: Eduardo Biermann

Xamã é Jason Fernandes, 25 anos, e ganhou este apelido, nas rodas de freestyle, por se parecer com o índio do jogo Mortal Kombat, o personagem Nightwolf. Natural de Campo Grande, ele agora mora em Copacabana e, há um ano, saiu do lugar onde trabalhava para perseguir o sonho de viver de Rap. Ele tem um projeto de Rap com o MC Estudante, de Padre Miguel, que se chama Xamã Estudante. As músicas da dupla estão disponíveis no YouTube e no Spotify. Xamã começou a rimar aos 12 anos e é fã de Black Alien, Speed Freaks e Racionais MCs. O MC Xamã, é natural de Campo Grande. 

 

Estudante

Batalha do Real_Zona Norte Etc

Foto: Eduardo Biermann

MC Estudante é Carlos Cardoso, 20 anos. Ele descobriu que rimava no ensino fundamental. Estudante começou a batalhar em 2014, em Bangu, na Caixa de Surpresas, e frequentou muitas rodas de rima . “Me identifiquei com o Rap porque é o movimento da rua, a cultura do negro, que luta contra o preconceito e a diferença entre as classes sociais. O nome Estudante veio porque eu tento embaralhar as matérias da escola com a rua, fazendo metáforas e comparações. Tem músicas nas quais cito o físico Newton e o matemático Pitágoras”, conta Estudante, que participa da dupla Xamã Estudante. Entre suas influências, estão: Rapinn Hood, Caetano Veloso, Legião Urbana, Racionais MCs, Black Alien e Speed Freaks.

 

Pelé

Batalha do Real_Zona Norte Etc

Foto: Eduardo Biermann

Pelé é Maurício Lourenço, 19 anos, de São Gonçalo e mora em Trindade. Conheceu o Rap em 2008 e foi indicado pela Batalha do Tanque a participar da Batalha do Real. Já venceu por lá e também na roda de Botafogo. O MC começou a batalhar levado por amigos, que colocaram o seu nome no desafio, e nunca mais parou.”O duelo de MCs é mais sangue mesmo, atacar o adversário, é diferente de fazer música. Na final da Batalha do Real estão só os melhores, e eu estou lá. Pra mim, é um sonho, pois a gente ouve as histórias das vitórias do Marechal e da importância disso dentro da cultura do rap”, explica.

 

Serviço:

Grande Final da Tradicional Batalha do Real

Temporada #eudesafio

Dia 23 de novembro, às 19h, no Circo Voador

R. dos Arcos, s/n - Lapa

Telefone: (21) 2533-0354

Ingressos a R$ 40 (inteira) e R$ 20 (meia)