Nostalgia em bits: Museu do Videogame chega ao Shopping Nova América

MUSEU DO VIDEO GAME_SHOPPING NOVA AMÉRICA_ZONA NORTE ETC

Nostalgia em bits: Museu do Videogame chega ao Shopping Nova América

MUSEU DO VIDEO GAME_SHOPPING NOVA AMÉRICA_ZONA NORTE ETC

300 consoles, 6.000 jogos, campeonatos, cosplay, Just Dance, talk-shows com gamers e geeks e muito mais!

Atari, Nintendinho, Master System, Mega Drive, Nintendo 64, Sega Saturn, Dreamcast, Game Cube, Xbox, Playstation 1. É raro encontrar alguém com menos de 40 anos que já não tenha jogado ou visto alguém jogar alguns dos games mais clássicos que fizeram história no Brasil e no mundo. Jogos como River Raid, Enduro, Pac-Man, Super Mario Bros, The Legend of Zelda, Donkey Kong, Sonic, Alex Kid, Top Gear, Street Fighter, Mortal Kombat, Final Fantasy, Castlevania, entre muitos outros, ficaram marcados na infância e adolescência de milhões de pessoas. E mesmo com a nova geração de videogames, são muitos que ainda cultivam boas lembranças dos aparelhos de 2, 8, 16, 32, 64 ou 128 bits.

E para aqueles que curtem jogos eletrônicos de todas as épocas, a boa notícia é que o Shopping Nova América está trazendo tudo isso e muito mais aqui para o Rio de Janeiro (e melhor ainda, para a nossa Zona Norte!) com o Museu do Videogame Itinerante. Criado há cinco anos pelo jornalista e curador, Cleidson Lima, o museu, que não tem sede fixa, passou este ano a visitar cidades de todos os estados do Brasil. Desde 2011, mais de 450 mil pessoas conheceram o acervo que é exposto apenas durante 15 dias.

Com mais de 300 consoles e ultrapassando os 6 mil jogos, o Museu do Videogame Itinerante desembarca no Shopping Nova América permitindo aos visitantes não só conhecer, mas também jogar games clássicos dos últimos 45 anos no período de 13 a 28 de janeiro. Entre as atrações também há desafios Just Dance, simuladores de corrida, torneios de jogos antigos, desfile de cosplay, espaço PlayStation VR, Nitendo Switch entre outras.

Para aqueles que curtem dançar e suar a camisa, uma outra atração no evento será o palco Just Dance 2018. Nele, o jogador é desafiado a imitar os mesmos movimentos de dançarinos profissionais virtuais e, assim, alcançar a melhor pontuação no ranking do evento. Os mais bem colocados poderão, inclusive, participar do concurso Just Dance 2018, da Ubisoft, e faturar brindes e prêmios. 

Não vai ficar de fora dessa, né? Estamos esperando por você!

Confira as datas dos campeonatos:

23/01 - Campeonato Street Fight

24/01 - Campeonato Mortal Combate

25/01 - River Raid

26/01 - Concurso Cosplay

28/01 - Concurso Just Dance

Além disso, vão rolar lives com grandes nomes do mundo pop, nerd e gamer nos dias 20, 21, 27 e 28/01. Em breve divulgaremos a programação completa das lives.

Marque presença no evento do facebook e nós nos veremos por lá!

Relíquias

Entre as relíquias estão o primeiro console fabricado no mundo, o Magnavox Odyssey, de 1972; o Atari Pong (primeiro console doméstico da Atari), de 1976; Fairchild Channel F, de 1976 (primeiro console a usar cartuchos de jogos); o Telejogo Philco Ford, de 1977 (o primeiro videogame fabricado no Brasil); o Nintendo Virtual Boy, de 1995 (primeiro a rodar jogos 3D); o Vectrex, de 1982 (console com jogos vetoriais que já vinha com monitor); o Microvision (primeiro portátil a usar cartucho), de 1979 e o R.O.B (robozinho lançado juntamente com o Nintendo 8 bits, em 1985).

E as raridades não param por aí. Há itens realmente desconhecidos até mesmo para alguns colecionadores, como o Coleco Telstar Arcade, de 1977. Lançado na era pong, o console era triangular e cada um dos seus lados tinha um controle diferente. Seguindo a mesma linha, o Museu do Videogame Itinerante traz o Coleco Telstar Combat, de 1977, que tinha como foco o público que gostava de tanques de guerra.

Outro videogame do acervo, o Action Max, de 1987, trazia jogos de tiro em fitas de videocassete. Os curiosos também podem curtir o Bandai Pip Pin Atmark, o único videogame criado pela Apple, em 1995. Todos os itens trazem informações com nome, data de lançamento e detalhes técnicos dos videogames. Alguns consoles antigos trazem também vídeos com comerciais de época e detalhes de como funcionavam.

Um dos diferenciais do Museu do Videogame Itinerante é que, além de conhecer consoles e jogos raros, os visitantes também podem jogar em alguns videogames que fizeram história, tais como oTelejogo Philco-Ford (1977), Atari 2600 (1976), Nintendinho 8 bits (1985), Master System (1986), Mega Drive (1988), Super Nintendo (1990), Nintendo 64 (1996), Game Cube (2001), Sega Dreamcast (1998), Xbox (2001), Playstation 1 (1994), entre outros.