Marcão Baixada e Diego MC lançam música para a Copa do Mundo

meu time marcão baixada diego mc

Marcão Baixada e Diego MC lançam música para a Copa do Mundo

Música é aposta dos artistas para agitar a torcida para o mundial

De olho na Copa do Mundo FIFA de 2018 Marcão Baixada lançou a música “Meu Time”. Com um mix de funk, rap e até mesmo pop, produzido por BLUNTZZILLA, a faixa é a aposta do rapper para agitar a torcida para o mundial. A música tem participação de Diego MC —carioca de Fazenda Botafogo (subúrbio do Rio), que desde 2016 vem percorrendo seu caminho solo na música. Cheio de estilo e dono de um som novo, o cantor vem marcando território na cena. A canção está disponível nas principais plataformas de streaming e também no webclipe que você confere abaixo:

Nos últimos anos Marcão Baixada vem atuando num momento em que as marcas esportivas estão renovando suas estratégias para chegar ao consumidor, através de músicos e influenciadores. Em 2014, o artista iniciou uma parceria com a Nike Sportswear, onde foi Mestre de Cerimônias e porta-voz da marca em eventos de médio e grande porte, como a Casa Fenomenal —um espaço criado na Zona Portuária do Rio durante a Copa de 2014, visando celebrar a cultura e energia do futebol brasileiro.

Em 2016, Marcão foi anfitrião do lançamento da "BHM", coleção da Nike inspirada pelo Black History Month, o mês da história negra nos Estados Unidos; e também foi apresentador do Oi Bowl Jam, o mundial de skate bowl, realizado no Parque Madureira.  Ainda em 2016, junto com o rapper Ramonzin, lançou "A Batalha dos Parques", clipe de um duelo musical para os Jogos Olímpicos Rio 2016.

E agora, na Copa, mais um golaço do Marcão Baixada!

Batalha do Real lança álbum em noite especial com Rashid e outros convidados

Batalha do Real

Batalha do Real lança álbum em noite especial com Rashid e outros convidados

Batalha do Real

Lívia Cruz, Funkeiro, 3Preto, Sant, Coé e outros grandes nomes se reúnem para um verdadeiro festival de rap

Duas caixas de som, uma mesa e muita rima: há 14 anos atrás os organizadores da Tradicional Batalha do Real iniciavam um capítulo divisor de águas para a cultura hiphop carioca. Graças à Batalha, nomes hoje nacionalmente conhecidos ganharam visibilidade e lançaram carreiras de sucesso. Em 2016 veio a grande comemoração: uma temporada especialíssima de retorno, após dois anos de férias, circulando todas as regiões da cidade do Rio de Janeiro, passando pelo Meier, Jacarepaguá, Penha, Madureira e, claro, a Lapa. Um ano e 47 batalhas depois, a Brutal Crew volta a ocupar o Imperator, no Meier, para lançar o disco ’Batalha do Real Representa’ com os MC’s da temporada 2016 e as participações ilustres de Lívia Cruz, 3Preto, Inumanos e Funkero, nomes históricos para o hiphop nacional.

Com uma pegada de festival de rap, a Brutal Crew convida Rashid, que apresenta o show “A coragem da luz”. O rapper paulista apresenta o show do primeiro álbum da carreira, o elogiado “A Coragem da Luz”. Acompanhado por DJ Mr Brown e Godô (backing vocal), Rashid mostra um repertório composto de sonoridades diversas e outros gêneros incorporados ao rap. O show conta com as músicas do álbum e com os principais sucessos da carreira do rapper, como “Patrão”, “Gratidão” e as novas “Bilhete 2.0” e “Primeira Diss”. Outro show completo será o da ‘BdR Gang’ – nome dado à união dos MC’s integrantes do disco. O álbum foi construído com as batidas (beats) originais criados especialmente para a Batalha do Real por três beatmakers sob curadoria do DJ Babz: DJ Machintal, pesquisador dono de um acervo invejável de música brasileira e muito groove; Mr Break, que é rapper e produtor com uma coleção de ótimas colaborações e lançamentos próprios; e Goribeatzz, beatmaker que mistura boom bap com outros beats. Além dos shows completos, vários convidados marcarão presença no palco como Sant, Coé, Funkero, Pablo Morais, Pedro Ratão, Indigesto, Thiago Anezzi, DJ Fábio Broa, DJ Saddam e DJ Negralha.

Mantendo a tradição, o encontro também terá uma batalha, porém num formato especial: 16 MC’s vão disputar 4 vagas para batalhar com Thay Flow (Vencedora da BdR 1ª edição da pré-temporada 2017), Ruiva (BdR Gang), JP (Vencedor da BdR 2ª edição da pré-temporada 2017) e o campeão da Roda do Meier na semana do evento. A triagem ocorrerá na área externa do Imperator às 16:30, à capella, com inscrições no dia do evento para 8 vagas ao público – as outras 8 serão por indicação das rodas de rima do Rio, mantendo a tradição da Batalha do Real.

SERVIÇO
Batalha do Real Representa + Rashid
Quinta-feira, 1/06 19h
Imperator
Rua Dias da Cruz, 170 – Meier
Rio de Janeiro, RJ

Xan sai vencedor da temporada 2016 da Batalha do Real, em noite histórica para o rap carioca no Circo Voador

ihateflash_lucas_sa-1547

Xan sai vencedor da temporada 2016 da Batalha do Real, em noite histórica para o rap carioca no Circo Voador

Arrow
Arrow
Foto: Lucas Sá/I Hate Flash
Slider

O MC Xan, do Grajaú, foi o grande campeão da temporada 2016 da Batalha do Real, em uma noite histórica quando ele enfrentou, na final, o MC Estudante. Xan levou um prêmio em dinheiro de R$ 3 mil e um dos títulos mais importantes do rap nacional, que já foi de Emicida, Filipe Ret, Marechal, Maomé e Akira Presidente. A noite foi um festival de rap, com apresentações de alguns dos nomes mais importantes do setor, como Batoré e Papatinho, De Leve, Filipe Ret, MC Coé, Funkero, 3 Preto, AfroFunk Rio, Lívia Cruz e Akira Presidente.

Xan tinha mostrado seu favoritismo ao título desde a primeira etapa da Batalha do Real, no Imperator, quando ganhou a rodada, e também em Jacarepaguá, de onde também saiu campeão. Uma característica forte do MC durante o campeonato foi sempre o respeito aos rappers com quem concorreu, mostrando como as batalhas acontecem apenas nas rimas, mas que é grande a amizade e o companheirismo entre os 16 MCs que participantes. Uma curiosidade é que não houve terceiro round, foi uma unanimidade entre o público decidir pela vitória do MC. Abaixo você pode conferir como foi a batalha final.

“Essa vitória é um divisor de águas na minha vida. Planejo lançar as minhas músicas e viver do rap, que é o meu sonho. A única diferença é que agora eu tenho um pouco mais de investimento na minha carreira e mais olhos prestando atenção no que eu estou fazendo. Vou usar o prêmio em dinheiro para ajudar a família e, com certeza, investir na minha música e na minha carreira. Ganhar a Batalha do Real é colocar o meu nome na história que eu cresci acompanhando e admirando. Algo que era distante e do qual, agora, eu faço parte”, conta Xan.

Na noite, a Batalha do Real também apresentou as três faixas que produziu e lançou com alguns dos MCs que participaram da temporada, com produção de DJ Babz Brutal, curador musical do evento, a partir das bases instrumentais criadas, exclusivamente para o campeonato, por alguns dos beatmakers mais importantes do país, Mr Break, Dj Machintal e Goribeatzz. O campeão Xan, por exemplo, participa de “Só eu sei”, com Natalhão e Eminente, que ganha clipe, em breve, do videomaker Rabú Gonzalez. Ainda foram apresentadas, ao vivo, as faixas “Fala na minha cara”, por Isaac ZO e Iguinho, e “Noite brutal”, por Samantha Zen e Rayzen, MCs da Batalha, e Aori Sauthon e Nuno DV. MCs da Brutal Crew.

Saiba mais sobre o MC Xan

Batalha do Real_Zona Norte Etc

Foto: Eduardo Biermann

Xan é Gabriel Henrique de Carvalho, ouve rap desde pequeno e sempre teve um dom para a escrita, além de gosto pelo ritmo, o que tornou inevitável o seu envolvimento com a cultura hip-hop. O MC foi indicado pela Roda Cultural de Vila Isabel, da qual foi vencedor, além de ter participado e vencido nas rodas de Méier e na Tanque, em São Gonçalo. Gabriel é fã de MV Bill, Racionais MCs, Marechal, Claudinho e Buchecha e O Rappa. “Comecei no rap porque não tinha forma de não me envolver com a cultura, acabei indo pelo lado da música, que foi no que me destaquei mais”, conta o MC, que já venceu o concurso Mic Master Brasil e cursa faculdade de administração na Uerj.

 

Ela está de volta! Batalha do Real – Quarta-Feira no Méier

Batalha do Real_Zona Norte Etc_Agenda Cultural

Ela está de volta! Batalha do Real - Quarta-Feira no Méier

Batalha do Real_Zona Norte Etc_Agenda Cultural

Foto: Rabú Gonzales

Depois de lançar nomes do rap nacional, como Emicida, Marechal e Maomé, da Cone Crew Diretoria, a Tradicional Batalha do Real comemora 13 anos de serviços prestados ao hip-hop carioca com um circuito que começará pelo Imperator - Centro Cultural João Nogueira, no Méier e passará por três arenas da Prefeitura. A grande final será nos Arcos da Lapa, berço e principal locação da batalha por mais de dez anos. 

E temos novidades! Pela primeira vez em 13 anos, as batalhas de freestyle dos MCs serão feitas sobre bases criadas especialmente para a Batalha do Real pelo curador, DJ e produtor musical Babz Brutal. Entre os produtores que criarão os instrumentais, estão nomes como Mr Break, Dj Machintal e Goribeatzz.

Ter bases originais traz pra competição um novo grau de desenvolvimento da cena. A batalha passa a ser também uma vitrine para o trabalho autoral dos produtores

Analisa o produtor da Brutal Crew, organizadora do evento, Cesar Schwenck.

O cenário das batalhas será feito com material reaproveitado e sustentável, tudo assinado pelos artistas Felipe Bardy, Fábio Ema e Cristiano Reis. Os 16 MCs foram selecionados em batalhas que acontecem por todo o Rio de Janeiro, com representantes de Jacarepaguá, Caxias, Padre Miguel, Ilha do Governador, Madureira, Olinda, São Gonçalo, Ramos, Pavuna, Niterói, Campo Grande e Grajaú. Os novíssimos talentos do microfone têm idades entre 17 e 23 anos.

A primeira batalha tomará o palco do Imperator, no dia 31 de agosto, seguida de disputas na Lona Cultural Jacó do Bandolim, em Jacarepaguá, no dia 13 de setembro, na Arena Carioca Fernando Torres, em Madureira, no dia 2 de outubro, na Arena Carioca Dicró, na Penha, dia 30 de outubro, até chegar a grande final, no dia 20 de novembro, nos Arcos da Lapa. Todas as fases terão, como mestres de cerimõnia, MCs que inspiram esta nova geração de rappers, como Gil, Sheep, Negra Rê, Lepo, Bacon e Chapadão.

A Batalha do Real é um grande rito de passagem. É onde o novo MC testa as rimas e é testado pelo público. A batalha ajuda os jovens a afirmarem o talento, o carisma e a fazerem o próprio nome na cena. É um projeto de integração, mobilidade, expansão e valorização de territórios, revitalização e ocupação de espaços públicos, por meio dos elementos da cultura hip-hop

Conta o criador da Batalha do Real, Aori Sauthon, diretor executivo da Brutal Crew. Aori é integrante do Inumanos, banda seminal do rap carioca que volta especialmente para apresentações exclusivas no evento.

As batalhas são realizadas no formato tradicional de mata-mata. Cada MC tem dois rounds de 45 segundos para fazer as rimas, no esquema de desafio no qual um MC responde ao outro, com curiosas e divertidas provocações de agilidade mental. A regra é clara: não vale xenofobia, contato físico ou ofensas ao apresentador e ao DJ. A Batalha do Real também não tolera homofobia. O vencedor é sempre escolhido pelo público presente. Um formato 100% carioca que inspirou Criolo a criar a Rinha dos MCs, em São Paulo.

Lógico que o ZN vai fazer a cobertura completa desse mega evento! A gente se vê por lá!

 

MCs participantes:

1. Big Black, 17- Gabinal (JPA)

2. Eminente, 21 –Caxias

3. Estudante, 20 –Padre Miguel

4. Gaspar, 18 –Ilha do Governador

5. Iguin, 18 –Caxias

6. Isaac ZO, 22 –Madureira

7. Jhon, 17 –Olinda

8. Jhonny, 21 –São Gonçalo

9. Mell Brito, 22–São Gonçalo

10. Natalhão, 21 –Ramos

11. Pelé, 17 –São Gonçalo

12. Rayzen, 23 –Caxias

13. Ruiva, 19 –Pavuna

14. Samantha Zen – Niterói

15. Xamã, 27 –Campo Grande

16. Xan, 21 - Grajaú

 

Serviço:
A Tradicional Batalha do Real 13 anos

#EUDESAFIO

Ingressos: R$ 20 (inteira) e R$ 10 (meia-entrada)

 

31/08, Méier

Imperator – Centro Cultural João Donato

Rua Dias da Cruz, 170

Tel. (21) 2597-3897

Apresentadores: Marechal e Coé.

DJ’: Babz, LP e Broa.

Shows: Inumanos, Kayoa e Piramide Perdida

 

13/09, Jacarepaguá

Lona Cultural Jacó do Bandolim

Praça Geraldo Simonard, S/N

Tel. : (21) 2425-0825

Apresentadores: Gil e Sheep.

DJ’s: Babz, LP

 

02/10, Madureira

Arena Carioca Fernando Torres

Rua Bernardino de Andrade, 200

Tel.: (21) 3495-3078

Apresentadores: Negra Rê e Lepo.

DJ’s: Babz, LP

 

30/10, Penha

Arena Carioca Dicró

R. Flora Lôbo - Penha Circular, Rio de Janeiro - RJ, 21210-500

Tel: (21) 7951-0203

Apresentadores: Bacon e Chapadão.

DJ’s: Babz, LP e ?

 

20/11, Lapa

Grande final

Nos Arcos da Lapa, na Praça Batalha do Real